; Arquivo SBT entrevista o criador do movimento #Silvio100 | Arquivo SBT
Tecnologia do Blogger.

Looped Slider

.

Arquivo SBT entrevista o criador do movimento #Silvio100

Ele é conhecido como GUZ, blogueiro desde que surgiu o Blogger Brasil em 2002, já fez participação em um programa de rádio local e colabora para a Tribuna do Cariri, seu grande carro chefe é o OxenTi, um blog que nasceu com intuito de mapear as baladas e que teve o rumo mudado quando o blogueiro percebeu que o TI ”casava” com assuntos tecnológicos. O blogueiro é o grande responsável por um movimento que agitou a blogosfera e o twitter, atingido grandes portais. O movimento #Silvio100.

Em entrevista exclusiva ao Arquivo SBT, Guz revela a origem do movimento e não se diz decepcionado pelo fato ser atribuído a "fãs de Silvio Santos":

Para criar uma campanha dessas, é certo que você admira o Silvio Santos. Você é muito fã do homem do baú? Se considera SBTista?

Quando eu era pequeno eu admirava o Silvio Santos (queria que minha mãe votasse nele pra presidente, quando ele se candidatou rs) e hoje eu respeito o cara pelo fato de que ele é humilde e que ele soube administrar seu patrimônio de uma forma que veio a se tornar uma das maiores fortunas do Brasil e sempre gostei do SBT, embora não assista mais TV há algum tempo, gosto muito das séries e dos filmes que passam lá.



De onde surgiu a ideia do movimento?

Na verdade tudo surgiu de uma brincadeira com os twitteiros @Mamutti e @Tplayer. Uma colega estava com mimimi sobre o fato de ter uma frase "Deus seja louvado" nas notas, daí a gente começou a comentar as cédulas e o fato de que elas não refletem a história do Brasil, como acontecia com as notas antigas.

A Idéia foi do @Mamutti, daí o @Tplayer criou a Hashtag e eu criei a petição

O lançamento foi espontâneo ou houve algum planejamento?

Não houve planejamento. Como disse foi uma brincadeira.

A petição chegou a mil assinaturas em poucas horas e hashtag chegou rapidamente ao TT Brasil. Você espera tudo isso? Como foi a surpresa?

Na verdade eu acho que foi tudo muito rápido. Em uma hora a gente já tinha quase 1000 assinaturas na petição e em uma hora e meia foi o assunto mais comentado na Internet. Cara, foi espantoso. Eu achei que só iam ter assinaturas dos meus seguidores do Twitter.

Tinha gente pensando que o Silvio Santos estava fazendo 100 anos e outros absurdos. Teve uma seguidora que achou que ele tinha morrido e outros que o Banco central realmente ia colocar a foto do Silvio Santos na nota de R$ 100,00.

A Surpresa veio quando uma colega de trabalho me mostrou na Internet a matéria. Pensei "Puta merda! Já chegou aí?" daí expliquei pra ela a questão da autoria e tudo mais. Nunca pensei que alguém viesse me contar sobre algo que eu tinha criado.

Algum grande portal ou veículo de imprensa te procurou para explicar melhor o movimento?

Não e isso foi estranho. Muitos portais grandes divulgaram a informação com base em "Achismos". Ninguém mencionou que fosse uma brincadeira ou que a gente tivesse feito apenas uma "homenagem ao Silvio Santos", Ao contrário: alguns portais até esculacharam a gente, dizendo que fãs do silvio santos não tinham o que fazer e isso deixou os envolvidos meio putos da vida.

Sentiu-se frustrado pelo fato de grandes portais atribuírem o movimento a fãs de Silvio Santos?

Não. Na verdade como foi uma brincadeira eu nem pensei que fosse ter proporções tão grandes. O que realmente me incomodou foram portais que até ontem eu considerava com credibilidade, hoje essa credibilidade caiu e tende a zero.

Guz também escreve no  Ceticismo, Wii are Nerds e no Terrabit Cast onde há um podcast sobre tecnologia. Para segui-lo no Twitter acesse: http://twitter.com/guzats.
Compartilhe no Google Plus
    Comentários do Blog
    Comentários do Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Devido à abusos,os comentários passaram a ser moderados.

Estamos abertos a receber críticas e sugestões
Não aceitamos comentários:

- Anônimos
- com Caps Lock
- Contedo qualquer espécie de abuso.
- Com palavras de baixo calão.
- Com ofensas a nosso staff ou a outro internauta.
- E Qualquer tipo de propaganda ou divulgação de blogs, sites, canais do Youtube, fanpages e etc.